sábado, 22 de maio de 2010

Beber Vodka pura pelo olho, mais uma mania idiota!!! Acreditem isso é sério

Postei algumas semanas atrás sobre uma maneira idiota de beber que os adolescentes estavam fazendo pra ficarem bebados mais rápido. Leia Absorventes são usados por adolescentes para ficarem bêbados sem beber!!!.
Agora essa mania também usa o olho, só que o de cima.rs Leiam e vejam a imbecilidade desse povo.

Beber vodka pura pelo olho para um efeito rápido? Parece loucura, mas uma multidão de jovens estão arriscando sua visão neste nova mania.


Mais uma loucura de estudantes bêbados. Uma cena estranha e perturbadora de se ver.
Cercada por jogadores de rugby aplaudindo,e gritando na universidade, Melissa Fontaine de 19 anos permitiu que eles servissem uma dose de vodka em seu olho esquerdo.
"Vodka eyeballing ', como é conhecido nos círculos estudantis, é a mania a mania para beber nas universidades da Grã-Bretanha.
Aguns afirmam que ele induz a sensação de embriaguez, em velocidades estonteantes, proporcionando uma alta imediata.

Mas o dano devastador a longo prazo está deixando os médicos e as autoridades da universidade preocupados e eles já temem que essa cultura da Grã-Bretanha de beber esteja fora de controle.
Melissa, que deixou a universidade no verão passado e está agora com 22 anos, e acredita que eles têm razão para estarem preocupados. Ela constantemente "tomava" vodka em seu olho esquerdo, os efeitos na visão já começam a aparecer. Mais preocupante ainda, ela foi avisada de que sua visão pode deteriorar ainda mais quando ela ficar mais velha.
"Eu estou com dor constante, pelo o que eu fiz", diz ela. "Eu estou apavorada em saber que vai piorar. Eu gostaria de poder fazer o voltar pra mudar as coisas. Mas eu não posso. "
Seria fácil, claro, a julgar Melissa pelas besteiras do passado. Mas é difícil conciliar esse estereótipo com a moça que ela é hoje, uma filha, educada de forma exemplar, e uma familia estável.
Em suma, ela não é o tipo de jovem que poderia ser influenciada por essa cultura jovem na Grã-Bretanha.
A questão é, então, por que uma pessoa tão inteligente, uma mulher aparentemente sensata faz algo tão arriscado e tão grotesco como o "vodka eyeballing". E o que podemos aprender a partir de sua história?


"Eu sei que as pessoas vão dizer que o seu filho ou filha não faria algo tão estúpido, mas eu realmente não acho que os pais têm alguma idéia do que acontece em uma universidade e que as pressões que seus filhos sofrem poderão induzí-los a fazer coisas estúpidas", diz Melissa, que divide um apartamento com amigos no sul de Londres.
"A cultura de bebedeira dos alunos ficou completamente fora de controle e eu sei porque eu vi. Eu me considerava como um adolescente normal, sensata, mas essa "cultura" foi mais forte. "
Ela ainda não contou aos pais sobre seus olhos. "Eu ainda não contei sobre isso até agora porque eu não queria preocupá-los", diz ela, simplesmente, mas não é difícil imaginar como eles vão se decpcionar. Saindo de casa pela primeira vez e ir para a universidade Melissa mergulhou em um mundo de quase desconhecido.

"Estar na universidade é como estar em uma bolha", afirma. "Você vive para aquele momento. Sem muita preocupação. Você quer experimentar coisas novas e não pensa sobre o que vai acontecer depois. "
Olhando para trás, pode ver como ela colocou o senso comum de lado enquanto ela tentava se enturmar com os outros estudantes.
O ambiente social na universidade era, ela diz, 'indecente e competitivo ". Para aqueles que faziam esportes, foi ainda mais.
Quando ela se juntou à equipe netball, essa necessidade aumentou.

"É especialmente difícil se você praticar esportes, porque o elemento de competição que você vê tem seu jogo é transferido para o bar", diz ela. "Eu me sentia muito pressionada no começo.
As semanais noites da "União de Atletismo, era realizada no bar dos Estudantes e eram ainda mais depravadas.
"Os jogadores de rugby foram os piores", diz ela. "Mas por causa do feminismo, você tenta provar que consegue fazer o mesmo. Isso é o que impulsiona a toda essa cultura. Mulheres acreditando que têm que ser iguais em todos os sentidos.
O que tornou as coisas piores para Melissa foi que, por sua própria admissão, ela sempre foi altamente competitivo. É um traço que em outras áreas de sua vida, seus estudos, exames, serviu-lhe bem.
Sob a influência de álcool, foi desastrosa. Desafiados a sofrer uma com a "vodka eyeballing, ela estava determinada a impressionar seus amigos.
"Vodka eyeballing" Acredita-se que surgiram como uma tendência perigosa que começou nos E.U.A., é um truque popular realizado por garçonetes de resorts como Las Vegas.



Os críticos também culpam o filme 2000 Kevin e Perry Go Large, estrelado por Harry Enfield como "Kevin the teenager", por incentivar essa prática. No filme, o ator Rhys Ifans interpreta um personagem chamado DJ Eyeball Paul, que realiza a manobra em casas noturnas.
Enquanto os médicos especialistas dizem que ainda é um fenômeno relativamente novo, uma rápida olhada na internet revela como abundante, tornou-se entre os jovens consumidores na Grã-Bretanha.

A dor é insulportável, mas isso anima ainda mais a competição e o desejo de provar para seus amigos de quanto você aguenta.
Os devotos afirmam que "vodka eyeballing" induz a embriaguez mais rápido do que se beber, porque ela passa facilmente através da membrana mucosa e entra diretamente na corrente sanguínea através das veias na parte de trás do olho, embora alguns especialistas são céticos sobre isso e acreditam que, quem faz isso geralmente já está bêbado, eles simplesmente se convencem que tem esse efeito.
"No passado, a vodka tem sido utilizada como um desinfetante. Em 40 por cento à prova, imagine o que pode fazer para uma área tão sensível como o olho? É altamente tóxico. Disse o professor Robin Touquet, consultor em medicina de emergência no Hospital St Mary.

Levou apenas um mês para Melissa para perceber que ela tinha danificado seu olho. "Ficavam cada vez mais doloridos e vermelhos", diz ela. "Era como se eu tivesse conjuntivite todo o tempo. Fiquei muito assustada. "
O médico ficou surpreso quando fui vê-lo. Melissa, que já tinha a visão perfeita, foi encaminhada para um oftalmologista, que lhe disse que tinha cicatrizes permanentes na córnea do olho esquerdo.

"Ela disse que vodka era tão corrosivo que tinha literalmente queimado o seu caminho através da córnea. Mas não havia nada que pudesse fazer. Você não pode reparar a córnea. Disse que poderia levar a complicações e causar cegueira, que é aterrorizante.

Enquanto a maioria das pessoas são capazes de deixar e esquecer seus delitos juvenis pra trás, Melissa é lembrada deles todos os dias, com cada piscar de olhos.

Vejam um vídeo que encontrei no youtube sobre essa mania idiota



Fonte:dailymail.co.uk


Postado por Filhote de Pombo | 19:56 | 2 comentários »

Feed

Comentários
2 Comentários

2 comentários

  1. O Macho Alpha // 23 de maio de 2010 16:01  

    Meu Deus, que cretinisse!

  2. Anônimo // 31 de maio de 2010 17:23  

    sao ums indiota troxa troxinha

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails