quarta-feira, 2 de março de 2011

Você sabe quanto realmente vale? Surpreenda-se

A algum tempo atrás recebi um email muito interessante, mostrando o real valor de algumas coisas, e o que achamos barato, se formos fazer as contas, veremos que o valor final é absurdo.
No email não estava citado o nome de quem fez esse texto, desculpem a falta da fonte.
Mas resolvi reproduzí-lo na íntegra para que possamos pensar um pouco sobre isso.


Outro dia, entrei num supermercado para comprar orégano e adquiri uma embalagem (saquinho) do produto, contendo 3 g, ao preço de R$ 1,99.


Normalmente esse tipo de produto é vendido nos supermercados em embalagens que variam de 3 g a 10 g. Cheguei em casa e resolvi fazer os cálculos e constatei que estava pagando R$ 663,33 pelo kg do produto.

Será que uma especiaria vale tudo isso ? Agora, com mais este exemplo abaixo de produtos vendidos em pequenas porções, fico com a sensação que as indústrias se utilizam "espertamente" desse procedimento para desorientar o consumidor, que perde totalmente a percepção real do valor que está pagando pelos produtos.

Acho que todos os fabricantes e comerciantes, deveriam ser obrigados por lei (mais uma?) a estamparem em locais visíveis, os valores em kg, em metro, em litro e etc. de todas e quaisquer mercadorias com embalagens inferiores aos seus padrões de referências.

Entendo que todo consumidor tem o sagrado direito de ter a percepção correta e transparente do valor cobrado pelos fabricantes e comerciantes em seus produtos. VEJAM O ABSURDO: Você sabe o que custa quase R$ 13.575,00 o litro ? Resposta: TINTA DE IMPRESSORA! VOCÊ JÁ TINHA FEITO O CÁLCULO? Veja o que estão fazendo conosco.

Já nos acostumamos aos roubos e furtos, e ninguém reclama mais. Há não muito tempo atrás, as impressoras eram caras e barulhentas. Com as impressoras a jatos de tinta, as impressoras matriciais domésticas foram descartadas, pois todos foram seduzidos pela qualidade, velocidade e facilidade das novas impressoras. Aí, veio a "Grande Sacada" dos fabricantes: oferecer impressoras cada vez mais e mais baratas, e cartuchos cada vez mais e mais caros. Nos casos dos modelos mais baratos, o conjunto de cartuchos pode custar mais do que a própria impressora.

Olhe só o cúmulo: pode acontecer de compensar mais trocar a impressora do que fazer a reposição de cartuchos. VEJA ESTE EXEMPLO:
Uma HP DJ3845 é vendida, nas principais lojas, por aproximadamente R$170,00.. A reposição dos dois cartuchos (10 ml o preto e 8 ml o colorido), fica em torno de R$ 130,00. Daí, você vende a sua impressora semi-nova, sem os cartuchos, por uns R$ 90,00 (para vender rápido). Junta mais R$ 80,00, e compra uma nova impressora e com cartuchos originais de fábrica.

Os fabricantes fingem que nem é com eles; dizem que é caro por ser "tecnologia de ponta". Para piorar, de uns tempos para cá passaram a DIMINUIR a quantidade de tinta (mantendo o preço).Um cartucho HP, com míseros 10 ml de tinta, custa R$ 55,99. Isso dá R$ 5,59 por mililitro. Só para comparação, a Espumante Veuve Clicquot City Travelle custa, por mililitro, R$ 1,29. Só acrescentando: as impressoras HP 1410, HP J3680 e HP3920, que usam os cartuchos HP 21 e 22, estão vindo somente com 5 ml de tinta!

A Lexmark vende um cartucho para a linha de impressoras X, o cartucho 26, com 5,5 ml de tinta colorida, por R$75,00.Fazendo as contas: R$ 75,00 / 5.5ml = R$ 13,63 o ml. > R$ 13,63 x 1000ml = R$ 13.636,00
Veja só: R$ 13.636,00 , por um litro de tinta colorida. Com este valor, podemos comprar, aproximadamente:

- 200 gr de OURO;
- 4 TV Monitor LED Bravia 40" Full HD ;
- 1 UNO Mille 2003;
- 45 impressoras que utilizam este cartucho;
- 6 notebooks;
- 8 Micros Intel com 256 MB. Ou seja, um assalto !

Postado por Filhote de Pombo | 15:11 | 38 comentários »

Feed

Comentários
38 Comentários

38 comentários

  1. Jucifer // 2 de março de 2011 16:53  

    ola Fioteeeeeeeee de avestruz!!!
    sabes q eu ja tinha reparado no lance das empressoras q é algo q me tira do serio o preço dos cartuchos e usando a logica sem logica dos fabricantes seria mais facil compra uma nova mesmo num é kkkkkkkkk
    quando aos temperos sempre achei algo de errado e sabes tem algo q me faz ir a calculadora são estes preços tipo 0,99 isso é uma maldição
    ja penso quanto um grande supermercado ganha por dia neste 0,01 vivemos num mundim de faz de conta hehehe


    bjim guri

  2. Rafael // 2 de março de 2011 17:13  

    http://www.atacadouniao.com.br/catedetalheproduto.php?ID=251&NCol=3&Categoria=4&Secao=30
    Olha o preço do oregano

  3. Filhote de Pombo // 3 de março de 2011 03:44  

    Está aí uma boa oportunidade para ficar rico Rafael.rsr
    Compra esse 1 KG por R$11,30 divide em 100 saquinhos de 10 gramas cada um.
    Vá ao mercado do seu bairro e forneça pra eles o seu produto ao preço de 1,40 (preço abaixo do mercado), cada saquinho de 10 Gramas.
    No final você terá vendido esse 1Kg ao valor de R$ 140,00 praticamente 1250% de lucro. rsrsrs
    Isso você não consegue em nenhuma aplicação financeira .

  4. GIOVANNI SANDOR // 3 de março de 2011 05:17  

    OLÁ AMIGOS !
    CARA TO IMPRESSIONADO COM O BAITA LUCRO DESSAS SACANAS....OU ESPERTOS...OU A CULPA É NOSSA... DO NOSSO SILENCIO?
    ACORDADOS!
    GIOVANNI SANDOR SP

  5. Sentimental ♥ // 3 de março de 2011 08:00  

    nossa, como esse orégano está caro...
    eu paguei 0,80 centavos por 10 gramas.

  6. Filhote de Pombo // 3 de março de 2011 08:11  

    hhaah Nossa esse seu tá mto barato.. rs deve dar até pra fumar.rsrsrs
    Mas mesmo por 0,80 centavos ainda seria cario, daria 80 reais o Kg ehheeh.
    bjss

  7. Sentimental ♥ // 3 de março de 2011 08:14  

    orégano vale!

  8. Mestre Pai Mei // 3 de março de 2011 17:27  

    Discordo completamente de voce quanto a essa coisa de obrigar todos os produtos a vir "transparentes", com preços estampados em quilo, litro, etc...

    O brasileiro é que é culturalmente um povo extremamente burro para a matematica. Desde cedo toma-se o habito de achar a matematica o grande bicho de sete cabeças da escola. Chega até ao vestibular tremendo por ter que fazer algumas porcarias de equaçoes de 2 grau, algumas porcarias de logaritmos, e acha que é o fim do mundo.

    Brasileiro tem é que parar de achar que a culpa sempre é dos outros, e correr atrás pra curar a propria ignorancia e preguiça. Brasileiro que aprenda a usar a bendita calculadora e aprenda a descobrir quanto custa o litro da tinta de impressora ou do oregano, pra ENTAO ir querer brigar por qualquer coisa.

    Povo que nao sabe fazer conta de multiplicação e vota em presidente analfabeto nao tem que reclamar de nada nao! Tem é que sofrer pra pagar conta e levar ferro por nao saber fazer continha de somar mesmo.

    E que venham as proximas geraçoes!

  9. Snowman // 3 de março de 2011 17:57  

    Muito bom o teste cara! Orégano tá valendo mais que a grama do ouro 24k!!!

  10. Anônimo // 3 de março de 2011 20:51  

    Veja o preço de um tempero, o açafrão que custa 75 mil dólares o quilo, num supermercado vc. encontra embalagens com menos de um grama.
    http://jornale.com.br/outrossabores/?tag=acafrao
    aqui estão os 10 alimentos mais caros

  11. Lu Vaz // 3 de março de 2011 21:45  

    Vou indicar o seu post! Demais! Parabéns e beijos da Lu.

  12. Anônimo // 3 de março de 2011 22:00  

    caracas mano vc esta abrindo
    os olhos desatentos
    valeu pela informaçao

  13. Anônimo // 4 de março de 2011 04:31  

    eu tenho que admitir... eu gasto em média 500 reais por mês para sustentar meu vício , que é fumar orégano... eu não consigo trabalhar , eu não consigo estudar sem orégano na mente. Obrigado por me ouvirem.

  14. Anônimo // 4 de março de 2011 04:41  

    Tu acha que haveriam produtores de oregáno se ele custasse 15 pila o kilo, por exemplo?
    Quer dizer, eu compro um kilo de oregano uma vez na vida por 15 pila e nunca mais depois. O preço de alguma coisa não é definido aleatóriamente pelo produtor, ele varia de acordo com a diferença entre oferta e demanda, deve cobrir o custo fixo e GERAR LUCRO pois esse é o objetivo de um negócio. Mania essa de gente pequena achar feio enriquecer.
    Vivemos num sistema capitalista, te situa!

  15. Alejandro Vega // 4 de março de 2011 04:48  

    Esse tipo de abuso acontece em todos os lugares por causa dos impostos em cima dos produtos, mas PQP 13.000 em 1L de tinta de impressora. Eu já acho absurdo pagar R$ 1,30 em 1L de leite!!!

  16. Anônimo // 4 de março de 2011 04:52  

    Levando em consideração uma família normal, que usa orégano e tinta de impressora em proporções normais.

    Se vc tiver 1kg de orégano, NUNCA MAIS vai precisar de orégano na sua vida.

    Se sua impressora comportasse 1l de tinta, vc ia ter que reabastecê-la a cada 5 anos.

    Os preços exorbitantes desses produtos são tão altos quanto todos os outros aqui no Brasil. Não é certo, estamos sendo roubados, mas não vá postar isso como se fosse alguma surpresa...


    E blogueiros continuam a defecar pelos dedos...

  17. Anônimo // 4 de março de 2011 04:59  

    Por isso que eu parei de usar orégano, passei a usar maconha...

  18. Deiwys // 4 de março de 2011 05:08  

    se foda se é caro,a qntidade utilizada é pouca, por isso o preço e os fabricantes tem familias e funcionarios, ctz se vc fosse o vendedor dessas coisas acharia q ta barato ainda e o mercado muito competitivo

  19. Felipe // 4 de março de 2011 05:52  

    Daqui a pouco.... vou vender maconha fazendo passar por oregano!!!! kkkkkkkkkkk

  20. Fernando // 4 de março de 2011 05:54  

    Três pontos não observados no texto e nos comentários que li:
    1- Muitos dos produtos que consumimos tem seu preço inferior ao preço da embalagem. É por isso, por exemplo, que a diferença entre uma Coca-Cola de 600ml e uma de 2L é de apenas 1 real (ou algo assim). A embalagem conta muito mais;
    2- Povo brasileiro é "burro" como disseram, e não sabe calcular os preços. Concordo. Nos EUA, as prateleiras trazem tanto o preço do que está contido na embalagem quanto o preço da unidade padrão, ou seja, o preço de um galão, uma onça (oz), uma dúzia, etc. Isso permite saber tanto quanto se paga pelo produto quanto comparar preços e verificar variações. Sensato.
    3- O preço da tinta da impressora não se refere à tinta, mas ao cartucho. A tinta mesmo quase não entra no preço. Assim, caro mesmo é o cartucho recuperado, já que o cara cobra 10 a 15 reais pra encher com uma tinha vagabunda que não vale 1% disso.

  21. Júnior // 4 de março de 2011 06:19  

    Envie seus links diariamente para o agregador de links pastando.com.br. O agregador de links de blogs e sites nacional que cresce a cada dia. Envie seu link e aumente as visitas de seu site. Conteúdo novo e legal todo dia!
    Pastando - Agregador de links

  22. Anônimo // 4 de março de 2011 06:27  

    O preço de venda não envolve só o produto em si, mas toda a questao de transportação, embalagem, imposts e etc. E daí fazendo o calculo dessa maneira chega a valores absurdos.

  23. Anônimo // 4 de março de 2011 07:39  

    OTIMA MATERIA, SENHORES DEPUTADOS FEDERAIS, ESTADUAIS E POLITICOS EM GERAL, FAVOR TOMAR PROVIDENCIAS URGENTES SOBRE O ASSUNTO COM ALGUMA LEI PROPORCIONAL, PARA SANAR O PROPLEMA...REFLITA SOBRE O ASSUNTO REPASSE PARA O MAIOR NUMERO DE PESSOAS E COBRE PROVIDENCIAS DO DEPUTADO Q VC AJUDOU A ELEGER...

  24. Luccas // 4 de março de 2011 07:43  
    Este comentário foi removido pelo autor.
  25. Luccas // 4 de março de 2011 07:45  

    Discordo! Po essa discussão do orégano ta na moda. Mas todo mundo se esqueçe do custo do mercado, para permanecer aberto, funcionando e pagando seus funcionários. Do custo do transporte, da fabrica com seu maquinário, eletricidade, funcionários etc. Do custo do produtor rural, que também é gente e merece receber mais que R$ 0,01 que é o que vocês querem pagar pelo produto final.

    Se querem reduzir custos, lutem por menos impostos, transportes mais eficientes e baratos, redução dos tributos salariais. Ao invés de ficarem discutindo por causa de R$1,00, que não pesa pra ninguém.

  26. ugosouza // 4 de março de 2011 07:56  

    Já tinha noção do assalto que são os preços de cartuchos de impressora, mas olhando para esse post, me deixou um tanto irritado... se é para sair colorido, prefiro pintar os documentos, então... uma caixa de lápis de cor é mto mais barato... caciiiiildiiiiss...

  27. Anônimo // 4 de março de 2011 09:52  

    Cara, no dia que vc souber a tecnologia que tem na fabricação dos cartuchos de tinta, vc escreve faz post reclamando... ou não

  28. Anônimo // 4 de março de 2011 09:57  

    como q se fabrica cartucho? pq agora q eu vi este preço tbm estou qrendo ficar milionário

  29. ZbReUuU // 4 de março de 2011 11:19  

    Cara, pensa, por que você acha que o orégano é vendido em quantidades tão pequenas? É simples, ninguém precisa de um quilo de orégano, não faria sentido colocar um quilo de orégano na prateleira, concorda? Então, visto que a quantidade consumida é baixa, o produtor precisa elevar o preço para que tenha lucro. Como você quer que o produtor tenha lucro vendendo 10g (ninguém precisa de mais do que isso) a R$ 0,05? Pensa bem, se o preço não fosse esse ninguém trabalharia vendendo orégano, te garanto!

  30. Anônimo // 4 de março de 2011 15:33  

    o cara, vc não trabalha não? como teve tempo de ficar fazendo essas pesquisas? e outra, se ta achando caro, não compre, é muito simples,isso se chama ' lei da oferta e procura' se todos não comprarem mais, o preço vai ter que baixar.

  31. Feliciano // 4 de março de 2011 16:49  

    As pessoas que chamaram os brasileiros de burros: Vocês são preconceituosos. Sim, se temos problemas com a educação, temos é que resolver isso, e não ficar xingando dizendo que brasileiro não sabe contar.

    Aqueles COVARDES que falaram mal do blog em anonimo: Vão se catar. Isto é uma curiosidade, não uma coisa OOO que sério!

    @Post, ótimo post!

  32. Anônimo // 4 de março de 2011 18:28  

    Como assim?? É o cartucho que custa caro? Mas é só um pedaço de plástico com um microchip de 1 real e um circuitinho elétrico de 90 centavos. Um microprocessador i5 custa uns 500 reais e isso sim tem tecnologia, é complicado de fazer. Um litro de tinta custa mais de 10k é um absurdo.

  33. Anônimo // 4 de março de 2011 18:49  

    Sempre tem a opção de vc comprar refis de 1/2 litro por cerca de R$ 60,00 e vc fazer a recarga da sua impressora! Nsum custa nada aprender e gastaria muuuuito menos... é o q eu faço!

  34. Savaia // 4 de março de 2011 23:13  

    Muito bom!!!
    Vale lembrar a industria dos chás, disso e akilo, que faezem o maior sucesso...
    Garanto ke o produtor, akele da roça, é explorado e ganha um valor irrisório por todo seu trabalho. Enkuanto a empresa lucra mt vendendo pragente ke gosta do produto.

    Garanto ke se continuarmos a pensar em produtos e seus preços enkontraremos mais e mais produtos e até serviços caríssimos.

  35. Anônimo // 5 de março de 2011 10:55  

    Em Buenos Aires todos os produtos vem com o valor do kg ou litro.. aki e lei..

  36. Anônimo // 8 de março de 2011 03:08  

    vcs falando de orégano e tinta de impressora, ja viram qto custa o crack? R$20 a grama, ou seja R$20.000 o kilo da pedra, nenhum nóia aguenta, aff!

  37. Anônimo // 8 de março de 2011 15:48  

    Na Alemanha também colocam o preço do kg ou litro nos produtos do supermercado

  38. Anônimo // 8 de novembro de 2012 07:10  

    Não se esqueça que ao comprar um cartucho de tinta, além da tinta, você também paga pela construção dele e toda tecnologia envolvida.

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails