quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

O açúcar é "tóxico" e deve ser controlado, como o tabaco e o álcool, afirmam cientistas.

O Consumo mundial de açúcar triplicou durante os últimos 50 anos, e segundo os cientistas, o açucar está alimentando uma pandemia global de obesidade e contribuindo para 35 milhões de mortes a cada ano por doenças como diabetes, doenças cardíacas e câncer.


O açúcar é "tóxico" além de extremamente calórico, alertam cientistas.
Em uma matéria publicada na revista Nature, os especialistas da Universidade da Califórnia, São Francisco, dizem que o açúcar faz muito mais mal para a saúde do que simplesmente aumentar cinturas, e ao nível consumido pela maioria dos americanos, muda o metabolismo, aumenta a pressão arterial e provoca danos no fígado.
Os riscos para a saúde são semelhantes aos do álcool.

Mas os Drs. Robert Lustig, Laura Schmidt e Claire Brindis dizem que a obesidade é apenas um dos sintomas da possível toxicidade do açúcar, que vai mais longe do que simples calorias.
"Há boas calorias e calorias más, assim como existem gorduras boas e gorduras más, bons e maus aminoácidos, carboidratos bons e carboidratos ruins.

Dr. Brindis disse que o público precisaria ser melhor informado sobre os perigos do açúcar, com uma abordagem ampla semelhante ao observado com o tabaco e o álcool.
A equipe sugere modelos, tais como cobrança de impostos especiais nas vendas, controle mais criterioso de acesso e licenciamento para máquinas de venda automática e lanchonetes que vendam produtos com elevados níveis de açúcar em escolas e locais de trabalho.
Dra. Schmidt disse: "Há uma enorme lacuna entre o que sabemos da ciência e o que praticamos na realidade, essa questão precisa ser reconhecida como uma preocupação fundamental, a nível global."
Ela acrescentou: "Nós não estamos falando da proibição. Não estamos defendendo uma imposição maior do governo na vida das pessoas.
Estamos falando de maneiras suaves para tornar o consumo de açúcar um pouco menos conveniente.
O que nós queremos é realmente aumentar a escolha das pessoas, tornando os alimentos, que não são tão carregados com açúcar, comparativamente mais fáceis e mais baratos de obter."
Fonte: dailymail.co.uk

Depois de ler essa notícia no Dailymail, resolvi pesquisar mais a respeito dos perigos do açúcar.
Fui parar em um site que divulgou uma lista retirada do livro "Lick the Sugar Habit" de Nancy Appleton.
A lista é resultado de uma vasta pesquisa do autor em revistas médicas e outras publicações científicas. Fiquei tão nervoso com essa enormidade de malefícios que resolvi comer um chocolate para acalmar.


90 Maneiras que o açúcar pode arruinar sua vida:



1. Açúcar pode suprimir seu sistema imunológico e prejudicar sua defesa contra doenças infecciosas.
2. Açúcar desorganiza as relações entre minerais no seu organismo. Provoca deficiência de cromo e cobre e interfere na absorção de cálcio e magnésio.
3. O açúcar pode provocar um aumento rápido da adrenalina, da hiperatividade, ansiedade, dificuldade de concentração e da irritabilidade em crianças.
4. O açúcar pode provocar um aumento significativo nos níveis de colesterol total, triglicérides e colesterol ruim e diminuição do bom colesterol.
5. Açúcar provoca uma perda de elasticidade do tecido e função.
6. Açúcar alimenta as células cancerosas e foi relacionado com o desenvolvimento do câncer de mama, ovários, próstata, reto, pâncreas, trato biliar, pulmão, vesícula e estômago.
7. O açúcar pode aumentar os níveis de glicose em jejum e pode causar hipoglicemia reativa.
8. Açúcar pode enfraquecer a visão.
9. O açúcar pode provocar muitos problemas com o trato gastrointestinal, incluindo indigestão, má absorção em pacientes com doença intestinal funcional, aumento do risco de doença de Crohn e colite ulcerativa.
10. O açúcar pode provocar envelhecimento prematuro. Na verdade, o fator mais importante que acelera o envelhecimento é a insulina, que é desencadeada pelo açúcar.
11. O açúcar pode levar ao alcoolismo.
12. O açúcar pode provocar a saliva ácida, a cárie dentária e doença periodontal.
13. O açúcar contribui para a obesidade.
14. O açúcar pode provocar doenças auto-imunes, tais como: Artrite, asma e esclerose múltipla.
15. O açúcar ajuda e muito o crescimento descontrolado de Candida Albicans (fungo).
16. O açúcar pode provocar cálculos biliares.
17. O açúcar pode provocar apendicite.
18. O açúcar pode provocar hemorróidas.
19. O açúcar pode causar varizes.
20. O açúcar pode elevar a glicose e insulina em usuárias de contraceptivos orais.
21. O açúcar pode contribuir para a osteoporose.
22. O açúcar pode provocar uma diminuição na sensibilidade à insulina, provocando assim níveis de insulina anormalmente elevados e, eventualmente, diabetes.
23. O açúcar pode reduzir o nível de vitamina.
24. O açúcar pode aumentar a sua pressão arterial sistólica.
25. O açúcar pode provocar sonolência e diminuição da atividade em crianças.
26. Ingestão elevada de açúcar aumenta o processo de glicação avançada (AGEs), que são moléculas de açúcar que se ligam a proteínas e provocam danos em seu corpo. AGEs aceleram o envelhecimento das células, o que pode contribuir para uma variedade de doenças crônicas e fatais.
27. O açúcar pode interferir na absorção de proteínas.
28. O açúcar provoca alergias alimentares.
29. O açúcar pode provocar toxemia durante a gravidez.
30. O açúcar pode contribuir para o eczema em crianças.
31. O açúcar pode provocar aterosclerose e doença cardiovascular.
32. O açúcar pode prejudicar a estrutura do seu DNA.
33. O açúcar pode mudar a estrutura das proteínas e causar uma alteração permanente da maneira como agem as proteínas no seu corpo.
34. O açúcar pode fazer a pele envelhecer mudando a estrutura do colágeno.
35. O açúcar pode provocar catarata e miopia.
36. O açúcar pode provocar enfisema.
37. Ingestão elevada de açúcar pode prejudicar a homeostase fisiológica de vários sistemas em seu corpo.
38. O açúcar reduz a capacidade de funcionamento das enzimas.
39. Ingestão de açúcar é maior em pessoas com doença de Parkinson.
40. O açúcar pode aumentar o tamanho do fígado ao fazer as células do fígado se dividerem, e pode aumentar a quantidade de gordura no fígado, levando a doença do fígado gorduroso.
41. O açúcar pode aumentar o tamanho dos rins e produzir mudanças patológicas, tais como a formação de pedras nos rins. A frutose está ajudando a elevar as taxas de doenças renais.
42. O açúcar pode danificar o pâncreas.
43. O açúcar pode aumentar a retenção de fluidos no organismo.
44. Açúcar é o inimigo n º 1 do funcionamento do intestino.
45. O açúcar pode danificar os revestimentos capilares.
46. O açúcar pode deixar os tendões mais frágeis.
47. O açúcar pode provocar dores de cabeça, incluindo enxaquecas.
48. O açúcar pode reduzir a capacidade de aprendizado, afetar negativamente as notas das crianças e provocar transtornos de aprendizagem.
49. O açúcar pode provocar um aumento das ondas cerebrais delta, alfa e teta, o que pode alterar a sua capacidade de pensar com clareza.
50. O açúcar pode provocar depressão.
51. O açúcar pode aumentar o risco de gota.
52. O açúcar pode aumentar o risco de doença de Alzheimer. Exames de ressonância magnética mostram que os adultos acima de 60 anos, que têm ácido úrico elevado tem de quatro a cinco vezes mais chances de sofrer de demência vascular.
53. O açúcar pode provocar desequilíbrio hormonal, tais como: hormônio de crescimento cada vez maior de estrogênio em homens, agravar a TPM.
54. O açúcar pode levar a tonturas.
55. As dietas ricas em açúcar aumentarão os radicais livres e o estresse oxidativo.
56. Uma dieta de sacarose alta em indivíduos com doença vascular periférica aumentam significativamente a adesão das plaquetas.
57. Alto consumo de açúcar por adolescentes grávidas pode levar a uma diminuição substancial da duração da gestação.
58. O açúcar é uma substância viciante.
59. O açúcar pode embebedar, como o álcool.
60. O açúcar dado a bebês prematuros pode afetar a quantidade de dióxido de carbono que produzem.
61. Diminuição da ingestão de açúcar pode aumentar a estabilidade emocional.
62. O açucar no seu corpo se transforma 2 a 5 vezes mais gordura na corrente sangüínea do que o amido.
63. A absorção rápida do açúcar promove a ingestão excessiva de comida em obesos.
64. O açúcar pode piorar os sintomas em crianças com déficit de atenção e hiperatividade (TDAH).
65. Açúcar afeta negativamente a composição de eletrólitos da urina.
66. O açúcar pode prejudicar a função das glândulas supra-renais.
67. O açúcar tem potencial de provocar processos metabólicos anormais em indivíduos normais e saudáveis, promovendo doenças crônico-degenerativas.
68. Alimentação intravenosa (IVs) de água açucarada pode interromper o oxigênio para o cérebro.
69. O açúcar aumenta o risco de poliomielite.
70. Ingestão elevada de açúcar pode provocar convulsões epilépticas.
71. O açúcar provoca pressão alta em pessoas obesas.
72. Em unidades de terapia intensiva, limitação de açúcar salva vidas.
73. Açúcar pode induzir a morte celular.
74. Em centros de reabilitação juvenil, quando as crianças foram colocadas em dietas com baixo teor de açúcar, houve uma queda de 44 por cento do comportamento anti-social.
75. Açúcar desidrata recém-nascidos.
76. O açúcar pode causar doença na gengiva.
77. Açúcar induz a retenção de sal e água.
78. O açúcar provoca prisão de ventre.
79. O açúcar pode aumentar o risco de câncer de estômago.
80. O açúcar pode causar asma.
81. O açúcar pode arruinar a vida sexual de homens e mulheres, desligando o gene que controla os hormônios sexuais.
82. O açúcar pode diminuir a produção de testosterona.
83. O açúcar pode provocar catarata.
84. Açúcar está associada a um pior prognóstico da esquizofrenia.
85. Açúcar aumenta os defeitos do tubo neural em embriões quando é consumido por mulheres grávidas.
86. O açúcar pode causar câncer do reto.
87. O açúcar pode provocar tumores no fígado.
88. Açúcar desempenha um papel na causa da acne.
89. Açúcar prejudica a memória espacial.
90. O açúcar pode causar úlcera gástrica ou duodenal.

Postado por Filhote de Pombo | 15:46 | 2 comentários »

Feed

Comentários
2 Comentários

2 comentários

  1. Ignácio B. M. Iglesias // 7 de fevereiro de 2012 13:20  

    Há dez anos atrás(2002), quando conheci o Naturopata, Viriato Sobrinho, em curso que ele nos deu na sede do Grupo de Apoio Viver, ouvir dele que o açúcar poderia ser considerado como droga. Que no futuro certamente haveria restrições de doces para as crianças, como se drogas fossem, e essa infomação deixou-me em xeque.

    Como duvidar daquele senhor que acabara de conhecer e que dava provas de coerência e profundo conhecimento em vários outros assuntos que eu bem entendia? Que o açúcar é maléfico eu já havia aceito, 15 anos antes, mas compara-lo às drogas, foi uma surpresa.

    Semelhante foi quando uma pessoa amiga e colega de trabalhos voluntários, Luzia Serdano, em programa de televisão(1984), com Silvia Popovic, disse que o álcool era droga, e quase todos da bancada protestaram achando absurda a classificação do álcool como droga. Erasmo Dias, dos que mais protestou, declarou na época, que bebia moderadamente, e que era preciso “saber beber”. O cantor Orlando Silva, que também estava presente, e que não bebia mais, nem usava outras drogas, ficou surpreso com a afirmação que álcool era droga, e sem sentir-se seguro para contrariar, afirmou que se fosse droga, deveria ser classificada em nível mais ameno, que outras piores que ele experimentou.

    Foi só recentemente 25 anos depois dessa entrevista na TV que a opinião publica aceitou que ÁLCOOL É DROGA.

    Cuidado com familiares que vivem querendo comprar o carinho e atenção de seus filhos com excessos de doces...

    Quem entender que doces e açúcar faz mal, deve ter cuidado com as crianças, simplesmente proibir não parece dar melhor resultado, porque as crianças são frágeis frente à tentação dos doces.
    As crianças sofrem menos na ausência dos excessos de doces, quando os adultos amorosamente e sem proibir, conversam com elas sobre os seus malefícios e elas próprias começam a dominar seus impulsos de desejos.

    Toda criança deve ter certo grau de maturidade compatível com seu peso e altura. Se não tem, possa ser que a boa educação esteja ausente.

    Certa mãe pediu a Mahatma Gandhi que dissesse a seu filho que ele não devia comer doces porque faz mal à saúde. A mãe disse-lhe que tinha certeza de que o filho lhe ouviria, por muito admira-lo. Então Gandhi pediu à mãe que ela retornasse uma semana após e que ele o faria com grande gosto.
    Na semana seguinte cumpriu o prometido dizendo à criança que não seria bom que comece tantos doces pois faz mal à saúde.

    A mãe após agradecer retirou-se. Tendo dado alguns passos retornou e perguntou-lhe porque não havia dito o mesmo na semana passada. Gandhi – Porque até a semana passada, eu também comia muitos doces... Ignácio – Grupo de Apoio Viver

  2. Ignácio B. M. Iglesias - Grup de Apoio Viver - GAV // 7 de setembro de 2013 20:39  


    Há dez anos atrás(2002), quando conheci o Naturopata, Viriato Sobrinho, em curso que ele nos deu na sede do Grupo de Apoio Viver, ouvir dele que o açúcar poderia ser considerado como droga. Que no futuro certamente haveria restrições de doces para as crianças, como se drogas fossem, essa informação deixou-me em xeque.

    Como duvidar daquele senhor que acabara de conhecer e que dava provas de coerência e profundo conhecimento em vários outros assuntos que ou bem entendia? Que o açúcar é maléfico eu já havia aceito, 15 anos antes, mas compara-lo às drogas, foi uma surpresa.

    Semelhante foi quando uma pessoa amiga e colega de trabalhos voluntários, Luzia Serdano, em programa de televisão(1984), com Silvia Popovic, disse que o álcool era droga, e quase todos os entrevistados do programa protestaram, achando absurda a classificação do álcool como droga. Erasmo Dias, que mais protestou, declarou na época, que bebia moderadamente, e que era preciso “saber beber”. O cantor Orlando Silva, que também estava presente, e que não bebia mais, nem usava outras drogas, ficou surpreso com a afirmação que álcool era droga, sem sentir-se seguro para contrariar, afirmou que se fosse droga, deveria ser classificada em nível mais ameno, que outras piores que ele experimentou.

    Foi só recentemente 25 anos depois dessa entrevista na TV que a opinião publica aceitou que ÁLCOOL É DROGA.

    Cuidado com familiares que vivem querendo comprar o carinho e atenção de seus filhos com excessos de doces…

    Quem entender que doces e açúcar faz mal, deve ter cuidado com as crianças. Simplesmente proibir não parece dar melhor resultado, porque as crianças são frágeis frente à tentação dos doces.
    As crianças sofrem menos na ausência dos excessos de doces, quando os adultos amorosamente e sem proibir, conversam com elas sobre os seus malefícios, para que elas próprias iniciem considerar, o domínio de seus desejos impulsivos.

    Toda criança deve ter certo grau de maturidade compatível com seu peso e altura. Se não tem, possa ser que a boa educação esteja ausente.

    Certa mãe pediu a Mahatma Gandhi que dissesse a seu filho que ele não devia comer doces porque faz mal à saúde. A mãe disse-lhe que tinha certeza de que o filho lhe ouviria, por muito admira-lo. Então Gandhi pediu à mãe que ela retornasse uma semana após e que ele o faria com grande gosto.
    Na semana seguinte cumpriu o prometido dizendo à criança que não seria bom que comece tantos doces pois faz mal à saúde.

    A mãe após agradecer retirou-se. Tendo dado alguns passos retornou e perguntou-lhe porque não havia dito o mesmo na semana passada. Gandhi – Porque até a semana passada, eu também comia muitos doces… Ignácio – GAV-Grupo de Apoio Viver

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails